sexta-feira, 10 de julho de 2009

Textos que não chegaram a tempo da votação...mas são bem vindos:

O Rio de Janeiro para a Maria!








O Rio de Janeiro, embora não conheça tantas cidades assim, tem o que chamaríamos de explendor natural. A orla, Copacabana e Leblon, para mim, dignas de benção, se cruzam comos rostos de admiradores de todas as Bandeiras. O vestuário, que impressiona os traseuntes, são da mesma simplicidade e sabordas tardes de picolé, água de coco, choppinho e iscas de peixe a beira do mar! O sorriso e hospítalidade dessa Cidade Maravilhosa, não encontra cara feia, nem bandidos, nem falta de vontade de um dia retornar. A Lapa, berço da noite carioca de todas as classes sociais, reascendea conversa solta e suor dos corpos em badaladas músicas de Vinícius de Moraise batucadas de samba, inesquecíveis. Tudo isto é nosso Rio de Janeiro que termina com um abraço santificadodo Cristo Redentor, fazendo com que o coração dos turistas, levem para sua Terrinha: muita paz, amor e "carnaval interior" por muitos e muitos anos. Barbaridade, tchê... como te gosto, minha Guria Carioca!!!

Texto escrito por Maria Sousa, do blogue Maturidade
Terra: Rio de Janeiro, Brasil



********* *********** **********
Apenas algumas razões para passar férias em Cacela Velha
“As praças fortes foram conquistadas
Por seu poder e foram sitiadas
As cidades do mar pela riqueza
Porém Cacela
Foi desejada só pela beleza”.
Sofia de Melo Breyner

Acreditem amigos que ainda existe no Algarve um local bem preservado, em que o Homem e a natureza se conjugam em harmonia perfeita e tenho o orgulho de dizer que já lá passei férias e sempre que posso retorno. Algumas razões para amar Cacela Velha:
-Pela paisagem divina que se avista com a imensidão do mar e pelo cordão dunar que me reclama;
-pela ressonância imemorial dos poetas árabes e pela grande Sofia;
-pela presença constante de Sofia, a deusa do mar, que espero ver surgir pela nesga de uma esquina caiada de azul, a sua voz ecoa e os seus poemas aqui são incandescentes;
-pelas camadas de arqueologia e história, soterradas em areias eólicas.
-pelo pórtico renascentista da igreja, de Pilarte;
-pela zona lagunar entre o morro de Cacela, Miocénico, e a fímbria do cordão dunar; é aqui que eu gosto de vaguear, só, ou a brincar com a minha filha, por entre viveiros de marisco, a auscultar, com atenção o lento deslizar dos ligueirões e das conquilhas, que deixam uma um rasto indelével na húmida vasa siltosa, e todo aquele verde escuro, orgânico, de flora do mar;
-pela arquitectura tradicional, constituído por casas térreas, muitas com açoteias
-pela notável conjugação interior, que aqui obtemos, e para o quais, os oito pilares, que nos suportam e defendemos, aqui são realçados e entrelaçados;
- pela paradisíaca praia da Fábrica, temos de atravessar a laguna, às vezes a pé, outras vezes de barco, outras ainda a nado. Inesquecível!


Escrito por Castela do Blogue : Portugal Notável
Terra: Cacela Velha/ Portugal



Estes textos não chegaram a tempo da abertura da votação, mas os seus autores fizeram questão de participar. Se acha que merecem reconhecimento, aproveite para comentar, pois há um prémio para o melhor comentário .

4 comentários:

  1. Parabéns para a Maria! Dá vontade de ir ao Rio...Pena é ser tão longe...Quem sabe um dia!

    Obrigada pela tua participação !

    Bjs Susana

    ResponderEliminar
  2. Parabéns também para o Castela, que apesar dos contratempos de última hora, tiro-lhe o chapéu por conseguir participar. Espero que consigas superar , da melhor forma este momento difícil.

    Um grande abraço, amigo, e tudo de bom!

    ResponderEliminar
  3. Aqui vão os meus comentários para os textos indicados:

    O RIO DE JANEIRO PARA A MARIA

    Da cabeça não me sai
    “o comentário melhor”,
    o meu, amiga, aqui vai,
    apanhe-o se faz favor!

    O Rio continua lindo,
    lindo, lindo, sim senhor,
    e o povo sempre sorrindo
    abraçado pl’o Redentor!

    Também este belo texto
    onde essa beleza se evoca
    serve apenas como pretexto
    pr’ó amor duma “falsa” carioca!




    CACELA VELHA

    Da cabeça não me sai
    “o comentário melhor”,
    o meu, amigo, aqui vai,
    apanhe-o se faz favor!

    O que dizer de Cacela
    que não se tenha dito já?
    Dizer só que é bela,
    pronto, e já está?

    Para conhecer Cacela Velha,
    e para as dúvidas tirar,
    o bom senso aconselha
    que todos a vão visitar!


    João Celorico

    ResponderEliminar